Vamos falar sobre Tillie Cole.

by - 09:24:00



Se você nunca leu um romance dessa mulher, com certeza já ouviu alguém comentando ou surtando em alguma rede social.

Muito bem, permita-me lhe apresentar a face de Satanás.

Se Shonda Rhimes é a rainha dos dramas em forma de seriados para a TV, Cole é a Deusa magnânima dos romances em papel. Por que? Bem, além do fato dessa autora conseguir atravessar o nosso peito e arrancar nossos corações, para então, amassá-lo bem diante de nossos olhos, ela é a única autora que após nos destroçar por dentro, ela vai ajuntando pedaço por pedaço para que voltemos ao normal após finalizar a leitura.

O mais marcante disso tudo, é que após ler um romance de Tillie Cole, as coisas não voltam realmente ao normal, porque algo dentro de você muda. Você torna-se outra pessoa; alguém mais forte, mais intensa, mais apaixonada e mais corajosa. Você passa a sentir-se como as mocinhas dos romances dessa mulher.

Tillie Cole tem o poder de fazer seus personagens reais, e depois que você fecha o livro, sente como se acabou de finalizar uma amizade. E isso é muito, muito triste.

Tá explicado os surtos dos seus amigos no facebook, e as eternas depressões pós-livro.

Se você não gosta de romances intensos, fortes, com temas brutais e chocantes... Definitivamente, não leia nada dessa mulher; Entretanto, se você está disposto a olhar para dentro de si e reconhecer seus erros, mas sem ignorar suas qualidades, se está disposto a dar uma chance para novas experiências, que com certeza, a tornarão uma pessoa melhor... Se joga nos romances da Tillie.

  

E falando nos livros, vamos falar um pouco sobre eles para conhecer melhor esses mocinhos/homens/sonhos de consumo.



Há muitos anos, duas crianças de mundos completamente diferentes estabeleceram uma ligação, uma ligação fatídica, um vínculo inquebrável que mudaria suas vidas para sempre...
NUNCA ME SENTI TÃO BEM A PECAR... 
UM ENCONTRO ACIDENTAL. 
UM ENCONTRO QUE NUNCA DEVIA TER ACONTECIDO.

Girando entorno de um grupo turbulento de motoqueiros, onde a rotina é regada a sexo, Harley's, drogas e brigas, o primeiro livro irá nos apresentar esse mundo e os diversos personagens que irão compor os próximos livros da série. O casal de estreia é Styx e Mae.

Atormentado por um destrutivo problema de fala, Styx rapidamente aprende a lidar com seus inimigos. Ganhou uma temível reputação como um homem com quem não se deve mexer no mundo sombrio dos fora da lei do MC, com os seus poderosos punhos, uma mandíbula de ferro e o uso hábil da sua preciosa lâmina alemã.

Uma reputação que mantém as pessoas com êxito á distancia. Styx tem apenas uma regra na vida: nunca deixar ninguém chegar perto demais. É um plano que ele mantem-se fiel por anos, isto é, até que uma jovem é encontrada ferida no seu território... uma mulher que lhe parece estranhamente familiar, uma mulher que distintamente não pertence em seu mundo, mas uma mulher que se sente relutante em libertar...

Salome - Mae - estava destinada a se casar o profeta. Ela apenas conhece uma maneira de viver, que é sob os regulamentos do Profeta David. Na comuna que ela chama de casa, Mae não conhece nada da vida além de sua estrita fé, nem da vida além da Cerca - A cerca que a aprisiona, que a mantém presa num ciclo interminável de miséria. Mas ao ver o trágico fim de sua irmã na comuna, ela foge para tentar salvar a sua própria vida.

Seu desespero a leva em direção a um grupo de homens que mostram-se tão perigosos quanto sua comunidade religiosa, mas quando o presidente desses homens vestidos de couro e armas estende-lhe a mão, ela está mais do que feliz em aceitá-la... E acaba selando seu destino para sempre.


"As almas fraturadas são como ímãs. Desenhadas para colidir em uma felicidade impossível..."

MESMO A SALVAÇÃO PODE SER OFERECIDA ATRAVÉS DO AMOR DOS CONDENADOS... A BELEZA PODE SER UMA MALDIÇÃO.
A FÉ PODE SER UMA PRISÃO.
SÓ O AMOR PODE LIBERTAR.

No segundo livro, teremos o romance de Ky e Delilah. As amaldiçoadas finalmente estão livres da comuna, e agora elas são ensinadas a viver no mundo de verdade, além do grande muro que as cercou grande parte da vida.

Firmemente devora na sua fé, e mantendo a crença que sua alma está naturalmente manchada e marcada como "mulher amaldiçoava de Eva", Delilah está determinada a encontrar seu caminho de regresso a Ordem e longe da corrupta e pecadora realidade dos Hades Hangmen que a mantêm isolada em seu complexo. Eles dizem que é para a sua proteção, mas Lilah resiste arduamente em acreditar nisso.

Toda a sua vida condicionada a acreditar que ela é uma bruxa...
Uma sedutora ao longo da vida...
A prostituta do diabo...

E o problema maior está no homem encarregado de sua guarda. Um homem profundamente pecaminoso e belíssimo.

Ky é apaixonado por sua vida: a abundância diária da irmandade, bebidas, a estrada e, principalmente, as mulheres quentes. E ele aprendeu a tirar o máximo de proveito disso... Até que tudo mundo com a chegada de uma linda loira peregrina que não consegue tirar da sua cabeça.

Após uma sucessão de erros que o coloca como guarda costas da loira com a beleza de uma supermodelo, Ky irá perceber que ela pode ser a única capaz de tocar a sua alma. Amansar seus modos selvagens e capturar definidamente o seu coração.

O romance entre os dois é complicado e bastante sofrido, já que ambos possuem estigmas e preconceitos que precisam trabalhar para entenderem e aceitarem. Mesmo com os modos fanáticos de Lilah, e em alguns momentos, bastante irritantes, a história não perdeu o seu encanto, e nunca tornou-se enfadonha.

É um romance sobre aceitação, dedicação e, acima de tudo, amor.

Resultado de imagem para tillie cole flame

E então, chegamos ao terceiro livro, e com certeza, o mais esperado por trazer como protagonista o MC mais assustador e traumatizado de todos.

Rotulada como uma mulher Amaldiçoada de Eva desde o nascimento, Maddie sofreu apenas dor e repressão nas mãos do ancião mais abusivo da Ordem, Moisés. Agora, vivendo com sua irmã no complexo privado dos Hangmen, finalmente, Maddie é livre.

Livre da fé sufocante em que ela não acreditava.

Livre dos intermináveis anos de tormento físico e mental.

Apenas... Livre...

Com vinte e um anos, a tímida e envergonhada Maddie se contenta em viver dentro dos limites de sua nova casa — segura do mundo exterior, segura de danos e, estranhamente, protegida pelo membro mais volátil dos Hangmen; o completamente perfurado e tatuado, Flame. Flame.

Com certeza, foi o livro mais difícil e arrebatador para mim. Tillie Cole não mediu palavras e não escondeu nada a respeito dos abusos que ambos protagonistas sofreram, e isso tornou sua trajetória para descobrirem a força um do outro. E que juntos, eles eram almas que se completavam e eram livres.


Mudando completamente o tema, mas não a intensidade dos romances, Tillie Cole tem uma outra série do estilo new adult. Essa série será lançada pela editora Planeta, que também comprou os direitos de, A Thousand Boy Kisses, um romance de partir o coração que bombou na lista de mais vendidos ainda em sua primeira semana de publicação nos EUA.

SWEET HOME é o livro de estréia dessa série e é super leve, romântico e cativante. Ele gira entorno da trama clichê entre a nerd e o Quarterback do time de futebol, mas há muito mais por trás disso.

Com vinte anos, Molly Shakespeare já sabia muito.
Ela conhecia Descartes e Kant.
Ela conhecia a Universidade de Oxford como a palma da mão.
Ela sabia que aqueles que a amavam podiam abandoná-la.
Ela sabia se virar sozinha.

Mas quando Molly deixa o céu cinzento da Inglaterra para trás e começa uma nova vida na Universidade do Alabama, descobre que ainda tem muito a aprender, não sabia que um verão poderia ser tão quente, não sabia que os estudantes podiam ser tão intimidantes e certamente não sabia o quanto as pessoas do Alabama gostavam de futebol americano.

Romeo Prince é um rapaz incrivelmente lindo, com cabelos loiros escuros, olhos penetrantes e físico perfeito. E ele quer Molly a qualquer custo.

"Me dá vontade de rir quando ouço alguém dizer que Molly e eu nos precipitamos, que não podíamos sentir um sentimento tão forte um pelo outro em um espaço de tempo tão curto. E eu digo, como diabos podem saber? O sentimento é real, não? Ela se tornara toda a minha vida, verdade?"

Os demais livros serão sobre os meninos Carillo. E particularmente, foi onde a autora começou a arrasar na série. O livro do Romeo é fofo, meigo, mas quem conhece o potencial da Tillie, sabe que ele não foi o melhor. Porém, quando Lexi e Austin Carillo entra em cena no segundo volume, as coisas voam em direção ao céu. É tudo muito forte, intenso, incrível e único. E nenhum dos outros romances deixa a desejar. Tillie manteve a qualidade em todos e é maravilhoso ver como os casais vão se desenvolvendo e construindo uma história juntos de confiança e coragem.

Mas não se engane, mesmo que a série Sweet não tenha cenas tão pesadas como em Hades e um apelo mais dark, isso não significa que não haja assuntos abordados que poderão mexer muito com o seu emocional.

A imagem pode conter: texto

Agora vamos falar DELE:

O destruidor do mundo todo.
O arrebatador de corações.
O transformador de olhos em cachoeiras.
O avassalador de vidas.
O traumatizador de romances.

Mas calma, não estou dizendo para você não ler A THOUSAND BOY KISSES... Muito pelo contrário: LEIA! PeloAmorDeDeusEDeTudoQueÉMaisSagrado, LEIA SAPOHA!

resenha do livro a thousand boy kisses - tillie cole


Um beijo dura um instante.
Mas mil beijos podem durar uma vida.
Um rapaz.
Uma garota.
Um vínculo que é moldado em um instante e apreciado por uma década.
Um vínculo que nem o tempo nem a distância podem quebrar.
Um vínculo que irá durar para sempre.
Ou assim eles acreditam.

Quando Rune Kristiansen, de dezessete anos retorna de sua cidade natal na Noruega à pacata cidade de Blossom Grove, Georgia, onde fez amizade com Poppy Litchfield quando uma criança, ele tem apenas uma coisa em sua mente. Por que a garota que era a metade de sua alma, que prometeu esperar fielmente por seu retorno, terminou com ele sem nenhuma palavra de explicação?

O coração de Rune foi quebrado há dois anos atrás quando Poppy ficou em silêncio. Quando ele encontra a verdade, ele descobre que a sua maior dor no coração ainda está por vir.

Esse é um daqueles momentos em que não consigo encontrar palavras para expressar claramente as minhas emoções. Essa história é tão forte, incrível, inesquecível e intensa que quero deixar claro que o romance entre Rune e Poppy está no topo, BEM no topo, dos meus favoritos.

Nada é o que você imagina. Tudo é uma explosão de emoções que te levam do céu e no segundo seguinte, sua cara está espatifada no chão. Pode ser um conto de fadas, pode ser um amor tão puro e cristalino que te faça sonhar por semanas... Mas também é um tapa de que nem tudo pode ser bonito, e que a realidade pode ser dura.

Mas, mesmo com os tapas da vida, você não pode se deixar abater. Suas pernas precisam ser fortes para que você consiga se reerguer e voltar a andar. Seu coração precisa ser corajoso.

Sua felicidade será testada, mas são os momentos ruins que farão seus sorrisos possuírem significados maiores.

"Com cada toque e cada beijo, meu nervosismo se afastou até que éramos Poppy e Rune - não existia para nós um começo e nem um final."

Rune e Poppy é um casal que você guardará em um potinho de beijos e toda vez que lembrar-se deles, o fará se sentir em paz. É um livro que não se explica, ele foi feito para ser sentido.

Então leia, e se deixe levar.

You May Also Like

1 comentários

  1. Já li esses todos e estou com Eternal North no Kindle pra ler. Atualmente, nenhuma outra autora tem minha atenção como a Tillie. Você nunca consegue antecipar o desenrolar de uma história dela. Ela sempre nos surpreende. Especialmente Souls Unfractured, Sweet Hope e A Thousand Boy Kisses me devastaram.

    ResponderExcluir