Interestelar: Uma aventura no espaço

by - 14:16:00


"Nossas maiores realizações não podem ficar para trás porque nosso destino está acima de nós."
Quando Hans Zimmer é encarregado da trilha sonora de um filme, automaticamente minha curiosidade é despertada. Mas quando a produção tem Matthew McConaughey no elenco, é mais do que certeza que estarei comendo pipoca em um cinema o mais rápido possível. Interestelar tem esses componentes de peso e juro por tudo o que é mais sagrado que se não ganhar UM Oscar, eu me mato.


Interstelar é um filme de ficção científica dirigido por Christopher Nolan e estrelado principalmente por Matthew McConaughey, Michael Caine e Anne Hathaway. Na história, temos o planeta Terra consumindo boa parte de suas reservas naturais. Um grupo de astronautas recebe a missão de verificar possíveis planetas para receberem a população mundial, possibilitando a continuação da espécie. Cooper é chamado para liderar o grupo e aceita a missão sabendo que pode nunca mais ver os filhos. Ao lado de Brand, Jenkins e Doyle, ele seguirá em busca de uma nova casa. Com o passar dos anos, sua filha Murph investirá numa própria jornada para também tentar salvar a população do planeta.


"O amor é a única coisa que transcende o tempo e o espaço."

Vamos deixar claro que existem três filmes dentro do contexto de Interestelar: O primeiro é um drama rural distópico. O segundo, uma ficção científica espacial de aventura. E finalmente, uma ficção metafísica entre “wibbly wobbly timey wimey... Stuff” - Doctor Who feelings -.

Levando em conta que além das quase três horas de duração e um o roteiro que bombardeia o público com informações e conceitos científicos bastante complexos, Nolan conseguiu encontrar um equilibro que flui perfeitamente entre a lógica e a imaginação. Depois de A Origem, não estava colocando muita fé que ele conseguiria ir mais além no gênero da ficção cientifica, mas o safado conseguiu e realizou algo realmente incrível e original que está sendo visto como uma forma primorosa de homenagear o clássico, 2001 – Uma odisseia no espaço.

(Monopólio Negro de Kubrick... TARD e CASE de Nolan... Notem essa semelhança).

Azar no amor, mas sorte na física quântica, Christopher Nolan mais uma vez mostra o motivo de ser um dos diretores mais respeitados de Hollywood e que sua capacidade vai muito além da critica tradicional.
"Nós sempre nos definimos pela capacidade de superar o impossível."

You May Also Like

0 comentários